logo.jpg
BLOG_3_IM1.jpg

 

CASA DE VERÃO NO QUINTAL

 

Basta o astro-rei dar as caras que já pensamos em como resolver o problema da falta da casa de praia. Até refletir sobre como se aproximar daquele parente distante, só para poder usufruir da sua propriedade no litoral, nós fazemos. Porém, esta questão de poder curtir uma área externa pode ser resolvida se tivermos uma varanda ou quintal com potencial para que possamos transformar em uma área bem bacana, para receber os familiares e amigos. Claro que casa na praia é incrível, mas se não houver verba para arcar com uma, geralmente um lounge charmoso pode satisfazer tal quesito. Abaixo, deixamos cinco sugestões de como transformar o local esquecido em uma área deliciosa para curtir os belos dias de verão.

 

1: Plantas – Um local convidativo precisa ter “verde”, até mesmo para amenizar o calor. Caso no espaço não tenha como se plantar, uma saída muito original é a criação de floreiras, porém, deve-se analisar questões estruturais e de escoamento de água. Outra solução fica por conta dos vasos e painéis verticais. Neles podem ser plantadas árvores frutíferas, plantas, flores e até aquela horta 100% orgânica e cheirosa, que bem distribuídas, transformam o lugar triste em alegre e acolhedor.

 

2: Jardim Vertical – O lugar não tem tanto espaço para distribuição de vasos, a saída são os jardins verticais. As paredes são as grandes aliadas para se colocar as plantas, além de ficar muito bonito, ainda é uma preocupação a menos com pintura e acabamento. Vasos ou cachepôs podem, normalmente, ser fixados em uma tela aramada e, ainda, ter um temporizador para regar sempre na quantidade e tempo corretos. Mas, atenção: as paredes, antes de receberem o jardim vertical, devem ser impermeabilizadas.

Escadas de madeira, que abrem e fecham, também funcionam como suporte para as plantas.  

 

3: Cobertura retrátil – Elas são cruciais, pois protegem tanto das chuvas de verão, como do sol quanto estiver muito forte. Existem vários modelos, mas, em caso de reforma, é melhor projetar para ficar personalizado, e apenas utilizar nos casos de necessidade, pois o jardim deve receber a luz natural e a chuva.

 

4: Grama – Fundamental quando há espaço para plantá-la, pois torna o ambiente aconchegante e convidativo para se sentar ou até mesmo se deitar. Quando não há esta opção, pode-se resolver com deck de madeira nova, de demolição, ou até de material reciclado.

 

5: Reutilização de móveis – Hoje em dia é muito importante pensar na reutilização de coisas que geralmente iriam para o lixo. Os móveis podem ser reutilizados e revigorados apenas com uma simples pintura, como por exemplo, uma cama que pode virar sofá e servir muito bem no novo lounge da casa.

 

Estas foram as dicas, agora é só avaliar o cantinho que está às moscas e partir para transformá-lo em um maravilhoso ambiente de convívio e bem-estar. Só não se esqueça de ascender umas velinhas charmosas ao entardecer para curtir a brisa do verão.