logo.jpg

A frase o barato pode sair caro nunca fez tanto

sentindo quando o assunto é reforma

 

 

A frase o barato sai caro faz muito sentido quando pensamos em uma reforma de imóvel. É uma parede furada que acerta um cano, uma instalação elétrica mal feita que pode dar curto-circuito e ocasionar incêndio, ou mesmo um piso mal colocado, que acaba sofrendo infiltração. Durante uma obra, o acompanhamento de um profissional gabaritado é fundamental para que tudo ocorra dentro do prazo e não haja surpresas negativas no futuro, acarretando, assim, mais gastos e dor de cabeça.

 

Entre os imprevistos mais corriqueiros e que podem levar o proprietário a ter surtos de raiva podemos citar:

 

furar cano de água ou esgoto, por isso ter a planta hidráulica e saber interpretá-la é de máxima importância;

 

remover colunas de sustentação, em alguns casos é impossível retirá-la do espaço, porém engenheiros e arquitetos podem dar soluções “mágicas” como reforçar a estrutura com trilho de trem, por exemplo;

 

troca de piso, em caso de apartamentos, pode danificar o teto do imóvel de baixo, por isso, o profissional contratado deve saber o que vai usar para retirar o piso antigo, sem que abale o morador do andar inferior;

 

tomadas que não são suficientes, pode parecer fácil de resolver? Nem sempre. Já pensou no dia da mudança, você com aquela geladeira maravilhosa de alguns milhares de reais, que era para estar ali, mas, ali, não tem tomada?

 

E, por último, e não menos importante, a falta do ralo no banheiro, pois sim, ele existe e causa um transtorno absurdo para ter que colocá-lo em seu devido lugar. Por isso, vale lembrar que o que parece muito mais barato, entre o começo, meio e fim da reforma, pode encarecer muito o orçamento, além, é claro, do desgaste emocional incalculável.

 

Então fica a dica: procure por profissionais capacitados para tal ;)